Entidades representativas dos produtores rurais, governo do estado e parlamentares da bancada gaúcha, participaram de reunião, na tarde desta quarta-feira (11), com a ministra a Agricultura, Tereza Cristina, e técnicos do Ministério da Economia, para entregar um documento com o relatório de perdas e cobrar um pacote de ajuda ao setor, devido à estiagem no Rio Grande do Sul.

O senador Luis Carlos Heize (PP/RS) destaca que as perdas são em diversas regiões, ultrapassando muitas vezes mais de 50% da área plantada. “Temos que procurar amenizar os prejuízos. As lavouras de soja, milho e feijão, além das pastagens, são as mais atingidas. A seca se alastrou em uma fase muito importante para a agricultura que é o enchimento do grão. Nós temos que ajudar a amenizar esta situação ”, destacou o parlamentar.
Outro ponto abordado pela bancada gaúcha foi a falta de água para pecuária leiteira, suinocultura e avicultura que atinge diretamente agricultores familiares. O documento chamado “Medidas Mitigadoras dos efeitos da Estiagem” detalha todo o problema enfrentado pelo produtor. A proposta foi elaborada por um grupo de trabalho formado por representantes de diversas entidades, entre elas: Farsul, Fetag, Fecoagro-RS, Expodireto-Cotrijal, Aprosoja-RS, Federarroz, Febrac, Agapomi, Sindag, Acergs e Abraleite.
Entre os itens sugeridos está a renegociação de empréstimos de custeio e investimento, pelo prazo de dez anos. Também foi incluída solicitação para transferência da parcela com vencimento neste ano para um ano após o final do contrato. Outro item é a liberação de crédito para os produtores.
A carta aponta que somente serão contemplados os produtores que apresentarem laudos técnicos agronômicos com perdas iguais ou superiores a 25% nos grãos e de 15% nas demais atividades agropecuárias e cujas produções localizem-se no Rio Grande do Sul.
No encontro, ficou decidido que amanhã, quinta-feira (12), às 9h, será realizada uma reunião de emergência para analisar a viabilidade técnica do documento com equipes dos Ministérios da Agricultura e o da Economia, no auditório do Mapa.
Também participaram da reunião o governador do estado, Eduardo Leite; o presidente da Assembleia Legislativa, Ernani Polo; o senador Lasier Martins, secretários de estado; deputados estaduais e federais; prefeitos e vereadores dos municípios atingidos e lideranças das entidades representativas.
Foto: Joel Vargas/ALRS